Salvador, Feira de Santana e Juazeiro lideram número de caso Aids em 2017 na Bahia

s municípios de Salvador, Feira de Santana, a 100 quilômetros da capital, e Juazeiro, no norte da Bahia, são os que mais registraram novos casos de Aids em 2017, segundo dados divulgados pela Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab).

De janeiro a até o dia 25 de setembro, quando foi realizado o último balanço pelo órgão, foram notificados 601 casos de Aids em adultos e oito em crianças em todo o estado. Além disso, foram registrados 1.207 casos de HIV em adulto e 11 em crianças.

Nesse período, 111 municípios baianos notificaram casos de Aids em adultos, sendo que 7 notificaram mais de 10 casos. [Confira na tabela]

Casos de Aids em adultos em 2017 na BA

Municipio Quantitativo
Salvador 294
Feira de Santana 36
Juazeiro 18
Vitória da Conquista 14
Camaçari 12
Lauro de Freitas 11
Teixeira de Freitas 11

Em relação á notificação de casos de Aids em criança, cinco municípios notificaram casos. Salvador lidera a lista, com quatro notificações. [Confira na tabela]

Casos de Aids em crianças em 2017 na BA

Municipio Quantitativo
Salvador 4
Feira de Santana 1
Eunápolis 1
São Francisco do Conde 1
Valença 1

Casos

No estado da Bahia, desde o primeiro caso notificado, em 1984, até novembro de 2016, foram registrados 27.523 casos casos de Aids. Desses, 17.357 (63%) sexo masculino do sexo masculino e 10.166 (37%) sexo feminino.

A taxa de detecção de Aids, conforme a Sesab, apresenta tendência de crescimento: em 2005, foi de 9,5 e em 2013 de 14,3 casos por 100 mil habitantes. Dados preliminares de 2015 apontam para 8,3 casos por 100 mil habitantes. Em 2016, até o dia 7 de novembro, foram notificados, no total, 710 casos.

G1 ba

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *