Prefeitura de Barra e CODEVASF realizam soltura de 50 mil alevinos no Rio São Francisco

Dia, 04/04, a Prefeitura  Municipal de Barra, em parceria com a CODEVASF, realizou a soltura inicial de 50 mil alevinos no leito do Rio São Francisco, como parte de um programa que pretende atingir a soltura de 100 mil filhotes de peixes em sua totalidade. Nesta primeira etapa ocorreram duas ações simultâneas, sendo uma na rampa do mercado e outra na Lagoa Funda da Comunidade da  Primavera que deságua no Rio Grande.

Além de promover o repovoamento e a biodiversidade da bacia hidrográfica do Rio São Francisco, os peixamentos contribuem para a pesca familiar, com o aumento dos estoques pesqueiros e para a conscientização da população a respeito da importância de preservação dos recursos naturais. Além de conceder ao Velho Chico, o Peixe  que lhe é diminuído através da pesca predatória, da poluição agrícola, da poluição industrial e outras que dificultam a reprodução natural dos peixes .

A ação é uma iniciativa da Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco – CODEVASF,  em conjunto com a Prefeitura Municipal de Barra, através da Secretaria de Meio-Ambiente, Desenvolvimento Econômico e Turismo que também contou como parceiros: a Secretaria de Educação, Secretaria de Infraestrutura, Universidade Federal do Oeste Baiano (UFOB),  alunos e professores  das Escolas Municipais que se fizeram ativos participantes da ação em cuidado com o meio-ambiente e preservação a manutenção da biodiversidade.

O Prefeito destacou a importância da ação como parte de um programa que contemplará 100 mil alevinos. “O  intuito é aumentar a oferta de pescados no município, e peço que a população tenha consciência de não fazer uma pesca predatória, peço também ao presidente da Colônia de Pescadores que converse com os pescadores no sentido de orientá-los a não fazer a pesca predatória, e deixar que os peixes cresçam e se reproduzam para que no futuro tenha uma grande quantidade de pescados na região, beneficiando a todos.”

Se fizeram presentes ainda na ação, o Arcebispo da Arquidiocese de Barra e Dom Luís Flávio Cappio, grande ativista na luta pela preservação do Rio São Francisco. Além dos moradores da cidade, pescadores e a mídia local.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *