Plano Municipal de Cultura é pauta de reunião extraordinária do Conselho

O Plano Municipal elaborado em 2010 está sendo atualizado pelos conselheiros de cultura, que vão inserir metas e diretrizes para os próximos 10 anos.

O Conselho Municipal de Cultura e Cidadania Cultural realizou na noite desta terça-feira, 28, uma reunião extraordinária com os conselheiros de cultura de Barreiras para discutir, reformular e atualizar o Plano Municipal de Cultura (PMC). A reunião aconteceu na sede do Ponto de Cultura Flor de Trovão, reunindo os representantes do poder público, sociedade civil organizada e artistas.

O Plano Municipal de Cultura é um instrumento de planejamento que orienta a implantação das políticas culturais para os próximos 10 anos. Em Barreiras, o estudo e adequação do PMC foi realizado em 2010, e não foi regulamentado pelo poder legislativo, dificultando a inserção de fundos e verbas para a cultura local. Agora, o Conselho convoca os conselheiros para reformular todas as propostas de maneira democrática, para apresentar a toda população no mês de setembro.

“O Plano Municipal de Cultura de Barreiras precisa ser refeito por várias mãos. Sabemos da importância desse documento, que após apresentação pública deverá ser encaminhado a Câmara de Vereadores para se tornar lei. Vamos nos reunir e discutir em coletividade, porque queremos manter a transparência, com discussões de forma democrática e pública”, enfatizou o presidente do conselho Hudson Alves.

Os principais pontos debatidos na atualização do PMC são a caracterização cultural territorial e municipal; diagnóstico da cultura; os desafios, estratégias e programas para balizar a gestão municipal no decênio vigente. A diretora de cultura, Diva Bonfim também participou da assembleia, avaliando como positiva a discussão e regulamentação do Plano Municipal de Cultura.
“É importante que exista este elo, por isso, estamos acompanhando toda releitura e reformulação do PMC. Considero como uma prioridade estabelecida, tornar lei o Plano Municipal de Cultura, porque ampliará a missão de valorizar, promover e preservar a diversidade cultural de Barreiras, além de formalizar o sistema de cultura, fortalecendo assim, as ações de democratização, fruição e acesso dos nossos jovens, crianças e adultos as manifestações desse multiculturalismo”, reforçou a diretora de cultura.

O novo Plano Municipal de Cultura deverá ser encaminhado à Câmara de Vereadores até o dia 30 de setembro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *