Nilo acerta ida para o PSB e planeja levar genro e mais três

Após almoçar com a senadora Lídice da Mata (PSB) nesta sexta-feira (5), o deputado estadual Marcelo Nilo (PSL) praticamente sacramentou a sua ida para o Partido Socialista Brasileiro.

A migração ocorrerá durante a janela partidária, em março. “Está 99% certo. Só preciso conversar com o presidente do PSL, Luciano Bivar”, declarou o ex-presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA).

Pelo PSB, Nilo disputará uma cadeira na Câmara dos Deputados. O deputado também pretende levar para a legenda o genro, Marcelo Veiga (PSL), diretor da Embasa; Silvânia Matos (PSL), candidata a prefeita de Monte Santo em 2016; Tito (PSDB), candidato a prefeito de Barreiras no último pleito; e o secretário de Administração Penitenciária, Nestor Duarte (PSL).

Segundo Nilo, Veiga e Silvânia serão candidatos à Assembleia e Tito concorrerá a deputado federal.

Majoritária – O ex-presidente da AL-BA defendeu que as duas vagas para o Senado na chapa encabeçada pelo governador Rui Costa (PT) fiquem com Lídice e o ex-governador Jaques Wagner (PT).

“Lídice já é senadora, está votando contra os projetos de Temer, sempre foi do nosso campo. Como é que vai tirar a única candidata mulher [da chapa]? Além disso, essa é uma eleição mais curta, de 45 dias. Faz uma pesquisa para ver quem é o candidato mais conhecido”, argumentou o deputado.

 

bahia.ba

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *