Ministro de Infraestrutura dá detalhes das obras da FIOL

Em conversa com o jornalista Jefferson Beltrão no programa Isso é Bahia, da rádio A Tarde FM, o ministro de infraestrutura do governo federal, Tarcísio de Freitas, falou sobre o Exército assumir a conclusão das obras do Lote 6, que vai de Bom Jesus da Lapa a São Desidério.

O ministro também abordou a conclusão do Trecho 1, de Caetité a Ilhéus e os esforços que a Companhia Baiana de Pesquisa Mineral (CBPM) tem feito para agilizar as obras da ferrovia. 

Para Antonio Carlos Tramm, presidente da CBPM, a estrada férrea já nasce com a viabilidade garantida.  “Só a Bamin (Bahia Mineração) já assegura 20 Mt de minério de ferro ao ano. Além de outras 10 a 15 Mt, resultantes da produção de outras jazidas instaladas ao longo da ferrovia”, diz Tramm.

A Fiol tem potencial de render por ano R$ 500 milhões em recolhimento da CFEM (Compensação Financeira pela Exploração de Recursos Federais). A obra, no momento, está em análise no TCU. 

O ministro Aroldo Cedraz, responsável pelo processo, já recebeu nas últimas semanas ofícios do vice-governador e secretário de Desenvolvimento Econômico, João Leão, e dos presidentes das federações das Indústrias (Ricardo Alban), Agricultura (Humberto Miranda) e Comércio (Carlos Andrade).


Assessoria de comunicação – Ascom
Companhia Baiana de Pesquisa Mineral – CBPM
E-mail: ascom@cbpm.ba.gov.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *