Embasa mantém crescimento na prestação dos serviços de água e esgoto no Oeste da Bahia

Cidades polos da região, Barreiras e Luís Eduardo Magalhães lideram os acréscimos de novas ligações de água e esgoto

Apesar de um ano marcado pelas incertezas da pandemia da Covid-19, a Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) manteve a média esperada de expansão na prestação dos serviços no Oeste da Bahia.  Ao longo de 2021, 6.478 domicílios passaram a ser atendidos com fornecimento de água tratada e 7.818 com o serviço de coleta e tratamento de esgoto doméstico. Reconhecidos como polos regionais, Barreiras e Luís Eduardo Magalhães lideraram os acréscimos de novas ligações de água e esgoto.  Juntas, foram responsáveis por 56% da expansão do acesso a água tratada canalizada e 88% do acesso a esgotamento sanitário, dentre as cidades atendidas pela Embasa no Oeste da Bahia.

Para o gerente regional da Embasa, Lucas de Moura Araújo, o atendimento a novos domicílios demonstra a preocupação extra com o saneamento básico de Barreiras e Luís Eduardo Magalhães por parte da empresa e do Governo do Estado. “No último ano, a Embasa entregou investimentos da ordem de R$ 14,6 milhões, em Luís Eduardo Magalhães, ampliando e melhorando a prestação dos serviços para a população. Já em Barreiras, R$ 8,7 milhões vêm sendo destinados a obras de esgotamento para quem mora nos bairros Barreirinhas, Morada da Lua, Morada Nova e parte do São Sebastião”, reforça.  

Além de acompanhar o crescimento das cidades com atendimento de 100% do abastecimento de água, a Embasa já garantiu que 72% da sede de Barreiras e 70% da sede de Luís Eduardo Magalhães sejam atendidos com serviço de esgotamento sanitário. Em relação aos demais municípios do Oeste da Bahia, os investimentos em novas ligações de água estão ocorrendo principalmente na zona rural, quando passaram a ser atendidas localidades como Cipó (Brejolândia), Cerquinha (Cristópolis), Baixa Funda, Maria da Luz, Olhos D´Água dos Tanques (Ibotirama), Pedra Preta, Posses, (Santana) e Olhos D ´Água (Wanderley), dentre outras. 

Assessoria de Comunicação da Embasa

Unidade Regional de Barreiras (UNB)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.