Covid-19: China aprova candidata a vacina testada no Brasil para uso emergencial

Testada no Brasil pelo Instituto Butantan, a candidata a vacina contra a Covid-19 Coronavac, do laboratório Sinovac, teve aprovado seu uso emergencial na China. A medida ocorreu em julho, como parte de um programa do país para vacinar grupos de alto risco. Entre eles, profissionais médicos, de acordo com informações da agência de notícias Reuters.

As vacinas expermientais têm sido testadas desde julho na China. De acordo com uma autoridade de saúde local, em entrevista à mídia estatal, é possível que o programa de uso emergencial seja expandido. O objetivo é tentar evitar novos surtos nos períodos de outono e inverno do Hemisfério Norte.

Vale lembrar que, entre as sete vacinas contra a Covid-19 que estão em estágio avançado de testes (fase 3), quatro são da China.

No último domingo (23), uma unidade da farmacêutica estatal China National Pharmaceutical Group (Sinopharm), a China National Biotec Group (CNBG), também afirmou ter aprovação para usar emergencialmente uma de suas vacinas. A CNBG possui duas candidatas na fase 3, mas não se sabe qual delas está sendo usada. A farmacêutica tem um acordo com o governo do Paraná para fazer testes no Brasil. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *