CONSID e parceiros lançam em Barreiras o Projeto Vozes

A proposta prevê a elaboração de um Programa Consorciado de Educação Ambiental no Oeste da Bahia

Da parceria entre o Consórcio Multifinalitário do Oeste da Bahia (Consid), Ministério Público da Bahia, e as Universidades Federal do Oeste da Bahia (Ufob) e Estadual da Bahia (Uneb/Campus IX), surgiu o Projeto Vozes, considerado o primeiro passo para a elaboração de um programa consorciado de educação ambiental na região. Nesta terça-feira (7) a proposta foi oficialmente apresentada em Barreiras pela coordenadora do projeto, Berê Brazil. Na mesa de abertura estavam ainda, o secretário de Meio Ambiente e Sustentabilidade de Barreiras, Demósthenes Júnior, os professores da Ufob e Uneb, Adriano Davi e Maria Anália, respectivamente, e a diretora executiva do Consid, Érica Seixas.

“O Projeto Vozes nasceu da necessidade dos municípios consorciados atenderem aos Termos de Ajustes de Conduta (TAC’s) firmados junto ao Ministério Público. A partir das ações desenvolvidas, com construção de um plano de educação ambiental que deverá ser implantado em todo o Oeste, os municípios terão a oportunidade de prestar contas ao Ministério Público e ao mesmo tempo demonstrar uma nova forma de lidar com a sustentabilidade. É um projeto inédito, nunca implantando na Bahia, que começa a preparar as futuras gerações a pensar no meio ambiente para os próximos 20 anos”, disse Érica Seixas.

O secretário de Meio Ambiente, que também representou o presidente do Consid e prefeito de Barreiras Zito Barbosa, destacou a importância do Consórcio ao trazer à tona debates importantes como o da educação ambiental. Para Demósthenes Júnior, o Projeto Vozes vem para auxiliar os municípios, a exemplo de Barreiras, que aderiu a proposta. “Uma gestão ambiental eficiente se faz a partir de três pilares básicos que são fiscalização e monitoramento, licenciamento e educação ambiental. Este último é, sem dúvidas, um dos principais instrumentos da política de meio ambiente. Tenho certeza que o Projeto Vozes se constitui em passo estratégico para a tão necessária construção do plano de educação ambiental de Barreiras e região Oeste”, destacou.

O projeto Vozes será conduzido de modo participativo oferecendo diretrizes na elaboração de projetos de educação ambiental em atendimento aos TAC’s assinados pelos municípios junto ao Ministério Público bem com as condicionantes dos processos de licenciamento ambiental, permitindo ações de incentivo a prática da educação ambiental e a multiplicação de educadores ambientais tornando-os capazes de replicar suas formações e replicar as ações de educação ambiental em seus municípios. “Estaremos garantindo todo o apoio às equipes que serão formadas em cada município, nesta construção, será criado um capítulo especial de Educação Ambiental para Gestão de Resíduos Sólidos”, esclareceu Berê Brazil, coordenadora do Projeto.

Dircom/PMB – 07.12.2021

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.