Comunicado da Rádio Gazeta FM 104.9 – Riachão do Jacuípe-Ba

Em respeito aos ouvintes da Rádio Gazeta FM, comunicamos que o sinal da nossa rádio no centro da cidade e em alguns bairros, voltou ao normal hoje, dia 24 de abril de 2018.
Lamentamos profundamente a descoberta de um TRANSMISSOR PIRATA que foi instalado em um comércio local, com a mesma frequência da nossa rádio comunitária, bloqueando assim o nosso sinal totalmente nas imediações próximas a este transmissor e enfraquecendo a sintonia em diversos bairros, causando prejuízos a nossa emissora.
Esclarecemos que atitudes como esta, é um crime previsto na nossa legislação e um atentado ao Estado Democrático de Direito.
A Rádio Gazeta FM presta o serviço de radio difusão em nossa cidade há 15 anos e tem todas as autorizações e documentações legalizadas pelos orgãos que regulamentam a comunicação em nosso País.
A tentativa de calar a nossa voz, além de criminosa é um desserviço a nossa cidade, pois entre a nossa programação diária, está o canal aberto com a população que tem o direito de expressar as suas opiniões, necessidades e reivindicações nos programas jornalísticos da emissora.
Ao longo destes anos a contribuição social da GAZETA FM, registra-se no atendimento as pessoas mais necessitadas, através de campanhas beneficentes que são abraçadas pela população e um alívio para os que buscam este canal e tem suas necessidades supridas no momento da aflição. Através da nossa audiência e com o apoio dos nossos fiéis ouvintes, uma casa foi construída, tirando do relento uma cidadã que não tinha onde morar e convivia com graves problemas de saúde.
Calar a GAZETA FM é calar a voz dos mais sofridos, dos formadores de opinião, dos movimentos sociais, das religiões, dos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, da sociedade civil organizada.
É nosso dever abrir o espaço para todos e dentro deste princípio, seguimos, buscando a melhoria desta comunicação, entre os poderes, a sociedade e a população em geral.
Que os culpados por este crime, sejam punidos.
Aliviados com a solução deste grave problema, agradecemos a preocupação dos ouvintes, a eficiência da Polícia Civil na pessoa do Delegado Dr. Danilo, Cristovão Ferreira e demais policiais civis, do nosso quadro de locutores, Advogado Dr. Felipe Sales, Técnicos de eletrônica e engenheiros que detectaram o problema.
Vamos seguir e que a nossa democracia não seja aviltada outra vez.
Alexandre Giffoni
Presidente da ACERJ – Diretor da Radio Comunitária GAZETA FM.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *