VÍTIMAS DE ATROPELAMENTOS EM BARREIRAS E ANGICAL MORREM NO HO

Na tarde de sexta-feira, 31, por volta das 16h20, Dalcilene dos Santos Silva, de 28 anos, morreu no Hospital do Oeste, em Barreiras, após sofrer atropelamento na manhã do mesmo dia, na BA 447, altura do povoado do Junco I, no município de Angical, de onde foi socorrida e levada por atendentes do SAMU em estado gravíssimo para o Hospital do Oeste. O corpo deu entrada no IML do DISEP/Barreiras.

Morte de morador de rua

Um morador de rua não identificado, morreu depois de ser atropelado por um caminhão bitrem, no início da madrugada deste sábado, (01), por volta de 01h 00, na Avenida ACM, bairro Novo Horizonte, em Barreiras, nas imediações do Mercado Marabá.

Um vigilante conta que o homem trabalhava fazendo transporte de mercadorias em um carrinho de mão, principalmente na feira-livre (Centro de Abastecimento), mas sempre dormia na rua, as vezes debaixo de caminhões que estacionavam no acostamento da Avenida. Nesta madrugada, ele foi esmagado da cintura para baixo e arrastada por alguns metros, no momento em que dormia debaixo da carreta.

O vigilante ressalta que presenciou o trágico acidente, acionou o SAMU imediatamente e deu total assistência ao ferido, a qual ainda foi socorrida com vida para o HO. No local havia marcas de sangue e o carrinho de mão, que também foi atingido pelos pneus do caminhão.

Suspeita-se que o motorista da carreta não percebeu o acidente. Ele seguiu viagem em direção à saída para Salvador. O acidentado não portava documentos pessoais. Um dos agentes do Departamento de Polícia Técnica informou agora à tarde que o corpo permanece sem identificação.

A polícia civil do município adotará providências no sentido de investigar o caso e identificar à vítima e seus seus familiares, com auxílio do Departamento de Polícia Técnica, por meio da polícia científica.

Fotos: Blog Bahia/Sigivilres

Alô Alô Salomão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *