Suspeito de cometer homicídios na Liberdade morre em operação da polícia

Carta Dama de Espadas do Baralho do Crime, Bruno Ramos Figueiredo, mais conhecido como Bruno Bruxo, morreu após ser baleado em confronto com policiais no último sábado (25). Ele foi localizado durante operação conjunta da Polícia Militar, Civil e Federal.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA), Bruno integrava uma quadrilha de tráfico de drogas com atuação na Liberdade, onde cometia homicídios. Ele foi encontrado no bairro de Portão, em Lauro de Freitas, e reagiu à prisão. Conforme informou a SSP-BA, houve confronto e o suspeito foi baleado. Ele foi socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.

Segundo o titular da Delegacia de Homicídio Múltiplos, delegado Odair Carneiro, Bruno Bruxo era um dos alvos prioritários em decorrência da quantidade de mortes que cometia. Com ele, foram encontrados uma pistola 9 milímetros e dois carregadores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *