Reforço da segurança pública no oeste baiano: membros do MP participam de reunião e de inaugurações em Barreiras

Uma série de ações que visam o reforço da segurança pública no oeste baiano foram realizadas durante todo o dia , 20, em Barreiras, com a participação da procuradora-geral de Justiça Ediene Lousado e de promotores de Justiça da região. A primeira delas foi a reunião do Pacto pela Vida, que pela primeira vez aconteceu na região, com a participação de integrantes do Ministério Público estadual, Tribunal de Justiça, Defensoria Pública e do Governo do Estado. Também foram inaugurados no município a Vara do Júri e Execuções Penais, o Centro Judiciário de Solução Consensual de Conflitos (Cejusc), o Centro Integrado de Comunicações (Cicom) e o Distrito Integrado de Segurança Pública (Disep).

Pela manhã, na reunião do Pacto pela Vida, o governador Rui Costa ouviu dos promotores de Justiça, juízes, defensores públicos e policiais as principais demandas da região relacionadas à segurança pública. Os dados da atuação do Ministério Público foram apresentados pela promotora de Justiça de Execuções Penais, Rita de Cássia Cavalcanti. Também estiveram presentes o secretário-geral Adjunto do MP, promotor de Justiça Artur Ferrari, e os promotores de Justiça Alex Moura, André Fetal, Hugo Cesar Fidelis, Sinval Vilasboas, Artur Rios, André Garcia, Márcio Guedes, Mariana Libório, João Ricardo Costa, Elias Rodrigues. Na oportunidade, a procuradora-geral de Justiça Ediene Lousado destacou que os serviços públicos na região de Barreiras, onde atuou por muitos anos, estão muito melhores, mas que é preciso melhorar ainda mais, em especial na prevenção da criminalidade e em projetos sociais voltados especialmente para os jovens. “Muito mais que reprimir o crime, precisamos preveni-lo. A repressão nos custa tempo, dinheiro e vidas”, afirmou Ediene. Ela pediu, ainda, o apoio dos juízes em relação aos processos de violência doméstica contra a mulher, que possuem altos índices na região.

Ao fim da reunião, os chefes de poderes e integrantes do Comitê do Pacto pela Vida acompanharam as inaugurações do Cejusc, do Cicom e do Disep. O Centro Judiciário de Solução Consensual de Conflitos, que foi inaugurado pela presidente do Tribunal de Justiça, desembargadora Maria do Socorro, funciona no Fórum Tarcílio Vieira de Melo, no centro da cidade, e atuará na conciliação em especial de conflitos agrários. Na oportunidade, também foi instalada a Vara do Júri e de Execuções Penais de Barreiras. Em seguida, aconteceram as inaugurações, pelo governador do Estado, do Centro Integrado de Comunicações (Cicom), ligado ao Centro de Operações e Inteligência da Secretaria de Segurança Pública, e o Distrito Integrado de Segurança Pública (Disep).

O Cicom vai unificar as chamadas de emergência de 14 municípios da região, por meio do 190, 193 e 197, e será responsável também pelo videomonitoramento de Barreiras e de outros municípios que aderirem à tecnologia. Já o Disep foi criado para reunir em um só lugar unidades do Departamento da Política Técnica (DPT) e das polícias Militar e Civil. “É uma alegria presenciar tantas entregas de serviços à população de Barreiras, que também é minha cidade. Agora, com estes serviços, os promotores de Justiça que atuam na região poderão desenvolver um trabalho ainda melhor”, comemorou a procuradora-geral de Justiça Ediene Lousado, que participou das inaugurações.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.