Monte Santo: Grupo se passa por polícia, invade casa e mata morador a tiros

Um homem foi morto a tiros na madrugada do último sábado (29) após um grupo armado se passar por polícia e invadir sua casa, na zona rural do município de Monte Santo. De acordo com a Polícia Civil, Raulino Peixinho Moraes, de 37 anos, estava em casa quando os suspeitos chegaram e se identificaram como policiais. No entanto, o morador desconfiou e não abriu a porta, o que levou os criminosos a arrombarem a entrada.

Na tentativa de fugir, a vítima entrou em um dos quartos da casa e subiu no telhado, quando foi atingido por diversos tiros. O grupo fugiu após o crime, segundo informações do G1. Presente no momento do crime, a mulher de Raulino não se feriu.

O corpo da vítima foi retirado do telhado por uma equipe do Departamento de Polícia Ténica (DPT) da cidade de Euclides da Cunha. A polícia informou que Raulino já cumpriu pena em 2014, devido a uma tentativa de homicídio contra uma ex-mulher. No entanto, não se sabe se o homicídio teve alguma relação com o crime. A atual companheira da vítima afirmou, em depoimento, não saber de nada de errado cometido pelo marido recentemente. Os suspeitos não foram localizados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *